Encontre o seu lugar

Você sabe qual é o seu lugar?

Na vida exercemos vários papéis e, em cada um deles, possuímos um lugar específico.

Muitos problemas, tais como dificuldades em relacionamento de casal, dificuldades financeiras e outros, decorrem de ocupar um lugar no sistema que não é o seu.

São várias as possibilidades que fazem uma pessoa assumir um lugar distinto: pode ser devido a um aborto ocorrido na família de origem; a morte de um(a) irmão(ã); ou a pessoa tentar resolver problemas dos pais, avós, ou seja, de níveis hierárquicos superiores. Aproveito para lembrar que pela lei da hierarquia somos sempre os menores no sistema.

Uma pessoa que está fora do lugar normalmente assume responsabilidades que não são suas. Os heróis ou salvadores são típicos exemplos deste comportamento.

Como saber se estamos no nosso lugar?

Quando estamos no nosso lugar a vida segue o seu fluxo com leveza, conseguimos realizar nossas atribuições e resolver nossos problemas.

Mas, quando estamos fora do lugar, ao tentar resolver o problema dos outros, a impressão que temos é de que nada dá certo, de que se está dando “murro em ponta de faca”.

Convido você a pensar qual o seu lugar:

  1. Na sua família de origem,
  2. No seu relacionamento de casal e,
  3. No seu trabalho.

Na família o seu lugar é abaixo de seus pais e na ordem de nascimento dos filhos que seus pais tiveram: 1º, 2º, 3º … incluindo também os que não nasceram ou morreram, eles continuam ocupando um lugar no sistema.

No relacionamento de casal o seu lugar é ao lado do(a) parceiro(a), nem na frente (que é o lugar dos filhos), nem atrás (lugar dos pais).

Quando uma pessoa está emaranhada nos problemas de sua família de origem, a tendência é de se colocar fora do seu lugar também no relacionamento de casal (ou como mãe ou como filha, se mulher; ou como pai ou filho, se homem).

No âmbito do trabalho, o seu lugar tem a ver com o tempo (ordem de chegada na empresa), os mais antigos têm precedência. Então, se chega um chefe novo, este possui uma atribuição hierárquica superior aos funcionários, mas é novo na empresa. Ele deve se colocar como último e ouvir os mais antigos. Porém, o que normalmente acontece é que ele se coloca como aquele que já sabe e toma decisões sem consultar ninguém. Sistemicamente, ele está fora de ordem e, possivelmente, terá muita dificuldade na gestão de pessoal.

Espero que este texto ajude.

Estou a disposição para esclarecimentos.

Com carinho,

Devika Souza

2 comments to “Encontre o seu lugar”

You can Deixe uma resposta or Trackback this post.
  1. FABIANO HENRIQUE SANTOS - 3 de dezembro de 2019 Responder

    Show de texto… Parabéns!!! Faz refletir profundamente…

  2. Zélia - 5 de dezembro de 2019 Responder

    Muito bom!!

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.