Relacionamentos afetivos na visão sistêmica

Muitas clientes vêm me procurar para olhar para as questões afetivas, relacionamento de casal. Então vou falar sobre a visão sistêmica com relação aos relacionamentos afetivos.

A primeira coisa que nós devemos observar nas nossas relações é com relação ao equilíbrio entre dar e receber, vejo muito desequilíbrio, principalmente das mulheres que dão demais e só quando a relação está no final que aí, ao invés de receber, cobram aquilo que não foi dado.

O equilíbrio entre dar e receber tem que ser praticamente diário, semanal e não esperar acumular uma dívida para depois se cobrar, na verdade, não se deve nem cobrar, a mulher pede e o homem dá. Acho que essa é uma questão essencial, o que percebo é como as mulheres já têm uma sensibilidade muito grande para perceber a necessidade dos outros porque fomos criadas assim, somos mais perceptivas por natureza e atentas às necessidades dos outros, nós achamos que o homem também deve nos dar sem que peçamos.

Não é bem assim, os homens têm uma percepção diferente e se nós não expressarmos o que queremos eles não conseguem adivinhar, adorei quando um amigo depois de uma constelação falou “você tem que desenhar para mim, vocês duas se comunicaram só com o olhar, eu não entendo assim”.

Bummmm mudança de paradigma, é verdade muitas vezes só com olhar de uma amiga, um gesto a gente se comunica e os homens não têm essa percepção tão sutil, em sua grande maioria. Logo nos cabe verbalizar, percebo que nós gostamos muito de falar sobre várias coisas, mas comunicar o essencial, as nossas necessidades, desejos e quereres, ah isso a gente não fala.

Temos que aprender a pedir o que se quer, ao invés de esperar que o outro adivinhe os nossos desejos e os satisfaça por telepatia. Infelizmente, ou felizmente, ninguém tem o poder de ler a mente do outro, então precisamos sim verbalizar as nossas necessidades este é um segundo passo.

Devika Souza

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.